No dia 3/4/08 o Fórum das Seis protocolou a nossa pauta de data-base que inclui, entre outros pontos:

  • Volta ao salário real de maio 2001 (o maior deste milênio) mais a parcela fixa de R$ 200, que será proporcional ao regime e jornada de trabalho de professores e funcionários;

  • Dotação orçamentária específica para garantir políticas efetivas de permanência estudantil;

  • Defesa da autonomia das universidades estaduais, com a manutenção da indissociabilidade do ensino, pesquisa e extensão;

  • Democratização da estrutura de poder nas universidades e no Centro Paula Souza;

  • Aumento do investimento do Estado na Educação Pública em geral – 33% da receita total de impostos-, incluindo 11,6% do ICMS para as universidades e 2,1% para o Centro Paula Souza;

  • Incorporação imediata de funcionários e professores da Escola de Engenharia de Lorena (EEL-USP) aos quadros da USP, com aporte de adicionais 0,07% do ICMS, conforme compromisso assumido pelo governo Alckmin.

A íntegra da pauta encontra-se na página da Adusp.

O crescimento do ICMS em 2007, que prossegue em 2008, fornece condições favoráveis para  conquistas importantes para professores, estudantes e funcionários. Veremos qual a real disposição de diálogo que o Cruesp trará para a mesa de negociação. Ou será que irão precisar de um “empurrãozinho”?

 

Matéria publicada no Informativo n° 255

Fortaleça o seu sindicato. Preencha uma ficha de filiação, aqui!

LEIA MAIS